Category Archives: aix

Tópicos referentes ao sistema operacional Aix.

Aix, Solaris e Linux: Como identificar o MAC address da placa de rede

Para verificar o MAC address da placa de rede no AIX, Solaris e Linux:

Aix:

Comando lscfg, veja o “Network address”:

# lscfg -vl ent1
  DEVICE            LOCATION          DESCRIPTION

  ent1              60-58             Gigabit Ethernet-SX PCI Adapter
                                      (14100401)

        Network Address.............0004AC7CE7BC
        Displayable Message.........Gigabit Ethernet-SX PCI Adapter
                                    (14100401)
        EC Level....................E77671
        Part Number.................41L6596
        FRU Number..................07L8276
        Device Specific.(YL)........U0.2-P1-I1/E1

Solaris:

Comando ifconfig, veja o “ether”:

# ifconfig -a
le0: flags=863 mtu 1500
        inet 131.225.80.209 netmask fffff800 broadcast 131.225.87.255
        ether 8:0:20:10:d2:ae

Linux:

Comando ifconfig, veja o “HWaddr”:

# ifconfig -a
eth0      Link encap:Ethernet  HWaddr 00:60:08:C4:99:AA
          inet addr:131.225.84.67  Bcast:131.225.87.255  Mask:255.255.248.0
          UP BROADCAST RUNNING MULTICAST  MTU:1500  Metric:1
          RX packets:15647904 errors:0 dropped:0 overruns:0
          TX packets:69559 errors:0 dropped:0 overruns:0
          Interrupt:10 Base address:0x300

Referência:

  1. How to find your mac address
  2. AIX – lscfg command reference
  3. Solaris – ifconfig command man page
  4. Linux – ifconfig man page

Aix – Como ver o histórico de instalação de um pacote (fileset)

No sistema operacional AIX, para ver o histórico de instalação de um pacote (fileset) utiliza-se o comando lslpp com a opção -h:

No exemplo abaixo, o histórico de instalação de um dos pacotes do DB2:

# lslpp -h db2_08_01.cj
  Fileset         Level     Action       Status       Date         Time
  ----------------------------------------------------------------------------
Path: /usr/lib/objrepos
  db2_08_01.cj
                 8.1.1.80   COMMIT       COMPLETE     06/15/08     10:46:23
                8.1.1.128   COMMIT       COMPLETE     06/24/09     15:48:40
                8.1.1.152   COMMIT       COMPLETE     10/21/09     12:30:59
                8.1.1.160   APPLY        COMPLETE     01/17/10     16:40:11

Referência:

  1. Man page do comando lslpp (Para AIX V 5.3): http://publib.boulder.ibm.com/infocenter/pseries/v5r3/index.jsp?topic=/com.ibm.aix.cmds/doc/aixcmds3/lslpp.htm

Aix – Como identificar o processo que está utilizando uma porta

Para identificar qual processo está utilizando uma porta, usamos os comandos netstat e rmsock.

Primeiro execute o comando nestat com as opções Aan, conforme mostrado a seguir. Na primeira coluna será mostrado um número hexa-decimal, o PCB (protocol control block).

netstat -Aan | egrep <número da porta>

# netstat -Aan |egrep 22
f100020003ebf398  tcp        0      0  *.22               *.*                LISTEN

Usando esse número, com o comando rmsock, você conseguirá ver o processo que está utilizando a porta.

rmsock <pcb> tcpcb

# rmsock f100020003ebf398 tcpcb
The socket 0x3ebf008 is being held by proccess 123456 (sshd2).

Tendo o número do processo, basta usar o comando ps.

# ps -ef |egrep 123456|egrep -v egrep
root 123456      1   0   Sep 19      -  0:04 /usr/sbin/sshd2
root 111111 123456   2 13:47:54      -  0:00 /usr/sbin/sshd2

Para saber como identificar o processo utilizando uma porta de rede no Linux, veja aqui: Linux – Como identificar o processo que está utilizando uma porta

Referência:

  1. http://www-01.ibm.com/support/docview.wss?rs=71&uid=swg21264632

Como verificar se o TCB está ativo ou não no seu Aix

Para verificar se sua instalação de AIX está com o TCB (Trusted Computing Base) ativo, você deve verificar a ODM, da seguinte maneira:

$ odmget -q attribute=TCB_STATE PdAt

PdAt:
uniquetype = ""
attribute = "TCB_STATE"
deflt = "tcb_enabled"
values = ""
width = ""
type = ""
generic = ""
rep = ""
nls_index = 0

Se desejar alterar essa configuração, deverá direcionar a saída para um arquivo, editá-lo, apagar o registro da ODM e adicionar o novo.

$ odmget -q attribute=TCB_STATE PdAt > /tmp/odmout

$ cat /tmp/odmout

PdAt:
uniquetype = ""
attribute = "TCB_STATE"
deflt = "tcb_enabled"
values = ""
width = ""
type = ""
generic = ""
rep = ""
nls_index = 0
$

# vi odmout
PdAt:
uniquetype = ""
attribute = "TCB_STATE"
deflt = "tcb_disabled"
values = ""
width = ""
type = ""
generic = ""
rep = ""
nls_index = 0

# odmdelete -o PdAt -q attribute=TCB_STATE
0518-307 odmdelete: 1 objects deleted.

# odmget -q attribute=TCB_STATE PdAt

# odmadd /tmp/odmout

# odmget -q attribute=TCB_STATE PdAt
PdAt:
uniquetype = ""
attribute = "TCB_STATE"
deflt = "tcb_disabled"
values = ""
width = ""
type = ""
generic = ""
rep = ""
nls_index = 0

Observação: Ter o TCB desativado é um pré-requisito para quem quer utilizar a ferramenta ninadm do Nim para fazer um upgrade do sistema operacional. No entanto, se você desativá-lo conforme passos a seguir, poderá ter problemas caso queria ativá-lo novamente após a migração. Analise se vale mesmo a pena utilizar o nimadm.

Os passos indicados acima se encontram no redbook da IBM, “NIM, from A to Z in Aix 5L“.

Referências:

  1. Redbook: sg247296, “Nim from A to Z in Aix 5L”, May, 2006:  http://www.redbooks.ibm.com/abstracts/sg247296.html
  2. Trusted Computing Base:  http://publib.boulder.ibm.com/infocenter/systems/index.jsp?topic=/com.ibm.aix.security/doc/security/trusted_comp_base.htm

Opção “-xdev” do comando find

Como listar os maiores arquivos de um diretório ou filesystem excluindo outros filesystems montados abaixo deste?

É um problema localizar os maiores arquivos de um filesystem quando temos outros filesystems montados. Se estou com o filesystem /var com alto percentual de ocupação e preciso localizar quais os maiores arquivos que estão causando o problema, devo ler os arquivos deste filesystem mas ignorar os que estão sobre outros filesystems, por exemplo se eu tiver um /var/local.

Para isso, o comando find tem uma opção muito boa chamada -xdev. Ela considera apenas o filesystem especificado no path  do comando find.

Da man page:

-xdev: Always evaluates to the value True. Prevents the find command from traversing a file system different from the one specified by the Path parameter.

Exemplo:

Listar os 20 maiores arquivos dentro do filesystem /var:

find /var -xdev -type f -ls |sort -n +6 | tail -20

Observação: No Solaris pode-se usar a opção -xdev ou -mount.

Referências:

Aix – mksysb – Como restaurar parte do backup (restore parcial)

É possível restaurar apenas um arquivo, diretório ou filesystem a partir de uma imagem feita do sistema operacional através do utilitário mksysb.

Para se restaurar a partir de um backup mksysb, usamos o comando restore.

restore -xvqf [arquivo mksysb ou device] [./diretorio ou arquivo a ser restaurado]

Da man page do comando restore:

-x:  Restores individually named files specified by the File parameter.
-q:  Specifies that the first volume is ready to use and that the restore command should not prompt you to mount the volume and hit Enter. If the archive spans multiple volumes, the restore command prompts you for the subsequent volumes.
-v:  Displays additional information when restoring.
-f Device: Specifies the input device.

Para apenas listar o conteúdo do backup, usa-se a opção “-T”:

# restore -Tvqf [arquivo  de bkp mksysb]

Segue abaixo um exemplo:

#ls -l |grep -i foo
-rw-r-----   1 root     system   3201126400 Sep 12 11:17 foo-20080912.mksysb

Restaurando o arquivo /var/adm/wtmp:

#restore -xvqf foo-20080912.mksysb ./var/adm/wtmp
New volume on foo-20080912.mksysb:
Cluster size is 51200 bytes (100 blocks).
The volume number is 1.
The backup date is: Fri Sep 12 10:43:27 CED 2008
Files are backed up by name.
The user is root.
x         3240 ./var/adm/wtmp
The total size is 3240 bytes.
The number of restored files is 1.
#

O arquivo, diretório ou filesystems deve ser especificado com o caminho relativo (./).

Referência:

  1. FixUnix.com – Unix Linux Forums, mksysb restore: http://fixunix.com/aix/84975-mksysb-restore.html
  2. IBM Information Center – Restoring a file from the second image or tape: http://publib.boulder.ibm.com/infocenter/pseries/v5r3/index.jsp?topic=/com.ibm.aix.install/doc/insgdrf/mysysb_restore_from_second_image.htm
  3. Comando restore: http://publib.boulder.ibm.com/infocenter/systems/index.jsp?topic=/com.ibm.aix.cmds/doc/aixcmds4/restore.htm&tocNode=toc:front/front.cmb/0/0/2/0/17/47/